Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Games 20.05.2014 20.05.2014

Watch Dogs – Você está sendo vigiado e controlado quando menos espera

Por Guilherme Machado
Watch Dogs é de longe um dos jogos mais aguardados dos últimos tempos e a grande promessa da Ubisoft para este ano. O game que custou aproximadamente 68 milhões de dólares está em produção desde 2009 e será lançado no dia 27 de maio para todas as plataformas exceto os portáteis.
A espera se encerrará dentro de poucos dias e enquanto isso reunimos tudo que você precisa saber para ficar por dentro desse grande título, que promete ser um dos maiores da geração.
ENREDO
Com aproximadamente 35 a 40 horas de jogo, o mundo de Watch Dogs gira em torno do poder da tecnologia. A cidade de Chicago nos Estados Unidos, onde a história se passa, é uma das que possui um dos supercomputadores chamados de ‘ctOS’. Esse sistema controla todas as formas de tecnologia da cidade e também contém todos os dados e informações de seus habitantes.

A criação do ctOS se deu devido ao famoso apagão que ocorreu nos EUA e Canadá no ano de 2003, deixando por volta de 55 milhões de pessoas sem energia; no enredo do jogo o apagão foi causado por um hacker. O protagonista de Watch Dogs é Aiden Pearce, um exímio hacker obcecado pela tecnologia e moldado pela violência que manipula o ctOS e o utiliza a seu favor. Aiden busca fazer justiça com as próprias mãos e coloca a rede da cidade contra ela mesma para acabar com esse sistema corrupto.

CULTURA HACKER
Durante anos os hackers foram vistos como criminosos, vilões e coisas do tipo, mas a realidade é que não estaríamos onde estamos agora em questão de tecnologia se não fosse por eles. Os hackers permitem que a segurança aumente progressivamente – muitos deles procuram brechas em sistemas para reportar aos criadores sem pedir nada em troca, e em diversos casos acabam sendo contratados pelas próprias empresas para garantir a segurança.
Segundo os produtores do game, um dos intuitos de Watch Dogs é mostrar o lado positivo dos hackers, algo que possa representá-los. Muita pesquisa foi feita em cima disso para garantir a verossimilhança. Uma das grandes inspirações para a criação do jogo foi o grupo Anonymous, uma legião de ativistas e hacktivistas que se difundiu pelo mundo a partir de 2003 e que agem muitas vezes em prol da liberdade de expressão.
Um dos objetivos do jogo é apresentar uma nova perspectiva às pessoas, no sentido de que quando virem uma câmera se perguntem quem está por trás disso e também quando instalarem um aplicativo tenham em mente as exposições a que podem estar se submetendo.
Segundo os produtores do game, um dos intuitos de Watch Dogs é mostrar o lado positivo dos hackers
JOGABILIDADE
Watch Dogs é um jogo open-world que nos permite ir de um lado pra outro hackeando tudo que vemos pela frente. Aiden é capaz de hackear os celulares das pessoas para obter seus dados bancários, hackear semáforos para controlar o trânsito a seu favor em uma fuga e até mesmo controlar as câmeras de segurança para criar a estratégia perfeita em uma missão. Também é capaz de prever a ação das pessoas, como no caso de um assaltante prestes a atacar alguém, podendo impedir tal ato antes que aconteça.
Aiden faz uso apenas de seu celular para hackear. Seu smartphone está conectado ao banco de dados do ctOS, dando a ele o poder de interagir com praticamente tudo à sua volta.
Um fato curioso revelado pela desenvolvedora Ubisoft é que a engine do jogo foi primeiramente desenvolvida para um jogo de corrida, possivelmente da franquia Driver, mas a equipe de produção se deu conta de que seria melhor utilizá-la para um jogo open-world, dando origem ao Watch Dogs.
Alguns rumores circularam na internet de que o jogo rodaria a 1080p e 60fps nos consoles da nova geração, mas a desenvolvedora veio a público e esclareceu que o game rodará a 900p no PS4 e 792p no Xbox One, a 30fps em ambos.
Os gráficos do jogo prometem ser impressionates e muito realistas
MODO ONLINE
O game também terá um modo multiplayer online, no qual um dos modos permite ao jogador entrar secretamente no jogo de outra pessoa e cumprir objetivos como hackear o celular do oponente.  Para isso, terá que chegar o mais próximo possível sem ser percebido. Assim que começar a ser hackeado, o oponente receberá um alerta avisando que seus dados estão sendo roubados e seu objetivo passa a ser encontrar e matar o hacker ou simplesmente fugir para uma distância segura.
Outro modo de jogo confirmado é o multiplayer de até oito jogadores, que dá liberdade de andarem livremente pelo mapa hackeando os outros players. O game também receberá outras opções online como: ctOS Mobile Challenge, Decryption, Online Hacking e um modo de corrida.
Confira o gameplay do modo online:
CONTEÚDO ADICIONAL
Um DLC (downloadable content) já foi confirmado antes mesmo do lançamento do jogo. O Season Pass custará 19,99 dólares e acrescentará um novo personagem jogável chamado T-Bone, um modo de jogo Digital Trip, no qual o jogador deve caçar cyborgs em um universo alternativo, além de novas roupas para Aiden e novas missões no modo single-player. Quem adquirir o Season Pass pagará 25% a menos do que se comprasse o conteúdo separadamente e também terá acesso a tudo isso uma semana antes dos demais.
PERSONAGENS
No início do mês, a Ubisoft lançou um trailer para apresentar os personagens secundários que iremos conhecer durante o jogo e que de alguma forma irão influenciar a jornada de Aiden ao redor de Chicago. Os principais são:
– Clara Lille: uma mulher sedutora e perigosa. Uma hacker experiente capaz de acessar qualquer sistema e expor cada segredo que você esconde.
– Jordi Chin: precisando de um serviço? Jordi é o cara que faz tudo por dinheiro. Esconder um corpo, encontrar alguém, tirar uma pessoa de seu caminho, ligue para Jordi.
– T-Bone Grady: um hacker que cresceu no porão antes mesmo da internet se tornar algo grande. Um grande aliado para Aiden.
– Delford “Iraq” Wade: líder dos Black Viceroys, Iraq sabe como lidar com o que faz. Veterano de guerra no Iraque, trouxe tudo que aprendeu no exército para as ruas de Chicago. Tudo que interessa é ganhar a guerra digital.
– Dermot “Lucky” Quinn: Lucky é um homem que batalhou para chegar aonde está. Um poderoso chefe da máfia que sobreviveu a diversos atentados contra sua vida. Chefe do Chicago South Club, Quinn sabe que a tecnologia é uma grande aliada de seus negócios.

FILME

O desenvolvimento de um filme baseado em Watch Dogs foi confirmado pela Sony na Gamescom de 2013, e segundo ela a Ubisoft trabalharia em conjunto com a Columbia Pictures e a New Regency para a criação do filme. Segundo informações, os escritores serão Paul Wernick e Rhett Reese. Ambos trabalharam na produção dos filmes Zumbilândia, G.I. Joe: Retaliação e Deadpool.

LIVRO
A continuação do game será através de um livro interativo (ebook) chamado //n/Dark Clouds. Escrito por John Shirley, tratará de eventos ocorridos após o fim do jogo e o protagonista não será mais Aiden Pearce, e sim um ex-militar chamado Mick Wolfe. O livro será lançado no mesmo dia do game e estará disponível em inglês, francês, italiano, alemão e espanhol.
John Shirley ficou conhecido na comunidade hacker por ser um dos pioneiros do movimento cyberpunk, um subgênero de ficção científica ligado à alta tecnologia (High tech, Low life).
ADIAMENTO E CANCELAMENTO
Watch Dogs foi originalmente projetado para ser um título de lançamento do Playstation 4, com sua data programada para novembro de 2013. Algum tempo depois, a Ubisoft confirmou que o game sofreria um adiamento para 2014, juntamente com The Crew, outro título da produtora. Segundo eles, o adiamento foi necessário para acertar os últimos detalhes antes do lançamento.

Em fevereiro deste ano surgiram rumores de que a Ubisoft teria abandonado uma das seis patentes com o nome do jogo, criando uma confusão e sugerindo um possível cancelamento do game. Pouco tempo depois a produtora veio a público e negou tais informações, aliviando o coração dos fãs que aguardavam o jogo há anos.

PRÊMIOS

Antes mesmo de seu lançamento, Watch Dogs já recebeu diversos prêmios nas mais diversas mídias. O game recebeu mais de 83 prêmios por sua apresentação na E3 de 2012, e no ano seguinte em torno de 90 prêmios na E3 2013. Além disso, recebeu outros inúmeros prêmios e nomeações ao longo dos anos.

EDIÇÕES ESPECIAIS
Watch Dogs receberá ao todo nove edições especiais, a maioria delas exclusiva para o Playstation. A DEDSEC_EDITION e a Limited Edition vêm acompanhadas de uma máscara e uma estátua de Aiden Pearce, além de um CD com a trilha sonora do jogo e um livro de arte.
A pré-venda do jogo já começou na Saraiva! Tanto a versão normal quanto a Vigilante Edition, que inclui diversos tipos de bônus dentro do game!
Confira abaixo um dos trailers lançados:
Recomendamos para você