Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Sem categoria 04.10.2014 04.10.2014

‘Trapaça’: a turma premiada de David O. Russell

Por Edu Fernandes
 
Até pouco tempo atrás, o diretor David O. Russell era um profissional de médio escalão em Hollywood. No entanto, seus três últimos filmes acumularam 25 indicações ao Oscar. O que mudou em um período tão curto? Há muitas possibilidades de resposta, mas uma constante entre O Vencedor (Imagem), O Lado Bom da Vida (Paris) e Trapaça (Sony) é o elenco.

Trapaça chega às lojas em 15 de outubro nos formatos DVD e Blu-ray, com cenas estendidas e excluídas, além de um making of. O longa marca a reunião dos atores dos dois filmes anteriores de Russell, com direito a quatro indicações ao Oscar nas categorias de atuação.


A história se baseia em eventos reais e gira em torno do casal de golpistas Irving (Christian Bale) e Sydney (Amy Adams), que atua nos anos 1970. Eles são obrigados a trabalhar com o agente do FBI Richie (Bradley Cooper) para capturar mafiosos de Nova Jersey e escapar da prisão.

Para viver o protagonista, Christian Bale passou por uma grande transformação. Ele mudou sua postura e engordou 20 kg. O ator passou por um processo inverso em O Vencedor, para o qual perdeu 15 kg e ganhou o Oscar de ator coadjuvante.
 

Cena do filme O Vencedor

Nessa produção que também retrata uma história real, ele interpreta o irmão mais velho do boxeador Micky Ward (Mark Wahlberg), que namora a garçonete Charlene (Amy Adams). Como em Trapaça, a atriz dá vida a uma mulher passional, que tenta influenciar seu par romântico em um jogo de sedução.

A parceria de Russell com Bradley Cooper também inclui transformações físicas, mas mais sutis do que no caso de Bale. Nos dois longas em que o ator trabalhou com o cineasta, as mudanças serviram para tirar um pouco o ar de galã. Em Trapaça, Cooper faz permanente no cabelo para combinar com os penteados exagerados do filme. Em O Lado Bom da Vida, a alteração é mais um descaso com a aparência para mostrar a crise pela qual o protagonista passa.
 

Cena do filme O Lado Bom da Vida

Nesse longa, o personagem Pat está no fundo do poço: perdeu o emprego e a esposa, o que o levou a se internar em uma clínica para doentes mentais. Quando é liberado da instituição, volta a morar com os pais e tenta reconstruir sua vida.

As coisas ganham uma nova dinâmica quando Pat conhece Tiffany (Jennifer Lawrence, no papel que lhe rendeu o Oscar), uma jovem que também carrega um passado problemático. Os dois se unem para participar de um concurso de dança de salão e novos sentimentos emergem durante os ensaios.
 

Cena do filme Trapaça

A personagem defendida por Lawrence em Trapaça também serve como um catalisador dramático. Ela é a esposa oficial de Irving e desconfia das atividades do marido. Seu temperamento explosivo gera boas cenas e complica a situação dos demais personagens do filme.

O alvo da operação retratada em Trapaça é o político Carmine Polito (Jeremy Renner). Ele é o único “novato” na turma que Russell reuniu em seu último título.

Em seu próximo trabalho, o diretor volta ao gênero da comédia romântica, mas abandona seus atores dos filmes anteriores. Nailed (“Pregada”, em tradução livre) conta a história de amor entre uma garçonete de uma pequena cidade e um senador. A produção deve estrear nos Estados Unidos até o final de 2014.
 
Veja o trailer de Trapaça:
 

 
 
Recomendamos para você