Yuri Meggiolaro por Yuri Meggiolaro Música 31.01.2020 31.01.2020

Super Bowl LIV – O encontro inédito de Shakira e Jennifer Lopez

Super Bowl LIV

O Super Bowl 54 acontecerá em Miami, neste domingo, dia 02 de Fevereiro. A final da NFL (liga de futebol americano) será disputada entre Kansas City Chiefs e San Francisco 49ers. O time de San Francisco não chegava à final desde 2013, já o Kansas irá disputar o Super Bowl após 50 anos de espera.

Maior evento esportivo dos Estados Unidos, a noite ainda contará com o encontro inédito entre Shakira e Jennifer Lopez. Confira!

O maior evento esportivo do mundo

O Super Bowl é dono de números impressionantes. A edição de 2015 bateu recorde de audiência, com média de 114,4 milhões de telespectadores, chegando a 118 milhões no show do intervalo.

O jogo arrecada em média US$ 80 milhões em ingressos. Para efeito de comparação, um jogo de futebol de um grande clube europeu, normalmente fatura cerca de U$$ 5 milhões em vendas.

Em termos de valores dos times, o San Francisco 49ers sai na frente do Kansas City Chiefs, com um valor estimado pela Forbes de US$ 3,5 bilhões (o quinto mais valioso da NFL), contra “apenas” US$ 2,3 bilhões dos seus adversários do Super Bowl. O time mais valioso da liga é o Dallas Cowboys, com o valor de US$ 5,5 bilhões. 

Publicidade

super bowl

Foto: Ryan Kang/AFP

Apesar de ver sua audiência cair cerca de 5% no ano passado, o Super Bowl segue como o evento mais assistido da TV americana. Segundo a emissora CBS Corporation, cerca de 100,7 milhões de pessoas acompanharam o evento em 2019 (incluindo espectadores on-line).

Mesmo com preços exorbitantes, empresas brigam por um lugar na publicidade do intervalo da partida. Para o jogo de 2020, a Fox chegou a cobrar US$ 5,6 milhões (R$ 26,6 milhões), por apenas 30 segundos de comercial, valor recorde de todas as edições. Apesar do preço monstruoso, os espaços publicitários se esgotaram ainda no fim de 2019.

Show do intervalo 

Intervalo

Imagem: Ezra Shaw/Getty Images

O show que acontece no intervalo do Super Bowl é uma atração tão esperada quanto a  própria partida. Esse ano, pela primeira vez na história, Shakira e Jennifer Lopez irão se encontrar no palco, em show que tem previsão de audiência de mais de 100 milhões de telespectadores.

Na coletiva de imprensa pré-jogo, J-Lo prometeu um show jamais visto, com mais dançarinos e mais músicas. 

“Quando terminamos a primeira passagem, Shakira me olhou e disse ‘isso é incrível’. E eu disse ‘não, você estava incrível’. Fizemos coisas diferentes, bem Shakira, bem Jennifer e é isso que vocês vão ter na performance”, disse J-Lo. “Nossos shows estão muito diferentes, mas muito complementares. Esperamos que seja um show maravilhoso”, completou Shakira. 

Esse foi o único detalhe que as duas deixaram escapar, apesar das tentativas dos repórteres presentes, o sigilo das apresentações foi mantido.

Homenagem a Kobe Bryant

Os EUA seguem chocados com a morte precoce do astro do basquete Kobe Bryant, que sofreu um acidente de helicóptero no dia 26 de Janeiro. Outras 8 pessoas também faleceram, incluindo a filha de Kobe, Gianna, de 13 anos.

Perguntada se haveria alguma homenagem durante o show, Shakira respondeu:

“Não consigo imaginar a dor que a família dele está passando agora. Todos nós estaremos lembrando do Kobe no domingo e celebrando a vida e a diversidade”.

Representatividade latina

Shakira e Jennifer Lopez

Foto: Reprodução/NFL

Outro ponto que foi levantado na entrevista foi a representatividade latina, principalmente em tempos que essa comunidade vem sofrendo perseguições do presidente americano Donald Trump.

Filha de pais porto-riquenhos, J-Lo afirmou:

“É muito empoderador quando penso na minha filha e em todas as garotas ao redor do mundo que poderão ver duas latinas fazendo isso nesse momento do país. Estou muito orgulhosa de poder passar essa mensagem”.

Já Shakira, que nasceu e cresceu na Colômbia, reforçou a importância da comunidade latina para os EUA:

“É uma oportunidade de poder mostrar o que os latinos podem fazer e a contribuição única que oferecemos aos Estados Unidos e ao mundo; nossa cultura, nossa idiossincrasia e a força motriz e relevante que trouxemos. Somos realmente importantes e somos parte da pirâmide social desse país”. 

Álbum visual

Um álbum visual com as performances musicais da noite, foi anunciado pela NFL. Em conjunto com a Roc Nation, gravadora de Jay-Z, o álbum será disponibilizado nas plataformas digitais Spotify, Apple Music, Tidal e Youtube.

As performances em vídeo de Shakira e Jennifer Lopez, além da apresentação de Demi Lovato, que cantará o hino nacional dos EUA, e Yolanda Adams, que se juntará ao coral “The Children’s Voice” para cantar “America, is Beautiful”, farão parte do álbum.

Quanto ganham as estrelas que se apresentam no Super Bowl?

Nada! Isso mesmo. A NFL não paga um centavo para os artistas que se apresentam no intervalo do Super Bowl.

O Super Bowl é um evento tão gigantesco e prestigiado nos EUA, que as estrelas aceitam se apresentar apenas pela publicidade e audiência que isso irá gerar.

As apresentações rodam o mundo, e isso acaba sendo extremamente lucrativo para os artistas. Além disso, o prestígio que ganham por serem convidados a se apresentar em um dos maiores eventos do planeta, é gigantesco.

O show de J-Low e Shakira deverá ter cerca de 12 minutos, e como manda a tradição, acontecerá no intervalo da partida, que tem início marcado para às 20h30 (horário de Brasília).

Por Yuri Meggiolaro

Recomendamos para você