Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Filmes e séries 19.01.2011 19.01.2011

Ricky Gervais 1 x 0 Globo de Ouro

Não se fala de outra coisa desde domingo: o britânico Ricky Gervais, apresentador dos Golden Globes, salvou a cerimônia da pasmaceira e da previsibilidade. Não que algo tenha mudado quanto à premiação – A rede social, como esperado, foi o “grande premiado” da noite, com quatro honrarias (filme, roteiro, direção e trilha sonora). Mas como bem coloca, quem diria, até mesmo a revista The Economist: “Graças a seu apresentador, o aquecimento anual para o Oscar foi ‘assistível’”, o que seria pouco característico.

Na verdade, há certo exagero. Promovidos há quase sete décadas pela Associação da Imprensa Estrangeira em Hollywood (Hollywood Foreign Press Association), os Globos de Ouro sempre são mais relaxados, até mesmo por conta da disposição de seus convidados em mesas, bem servidas com baldes de champanhe francês. Diferentemente da premiação da Academia, em que todo mundo fica meio espalhado em assentos e filas distantes, com menos contato visual, quanto mais para um bate-papo.

No entanto, pela segunda vez na função, o criador da série The office, foi, novamente nas palavras da Economist, “incendiário” em seus comentários mordazes. Não sobrou nem mesmo para a Cientologia, religião ou seita queridinha de astros como Tom Cruise e John Travolta, que tiveram sua … “orientação sexual” questionada em uma das piadas de Gervais. Ainda foram alvos de seu humor sardônico os atores Charlie Sheen, Angelina Jolie (que estava presente e concorria), Johnny Depp, Robert Downey Jr., Bruce Willis etc. Enfim, a nata de Hollywood.

Sua apresentação teve repercussão nas redes sociais. Gervais chegou a ficar uma hora longe do palco durante a cerimônia, o que levou tuiteiros a questionarem se ele não estava sendo boicotado ou censurado. O fato também foi abordado pelo jornal britânico The Guardian, segundo o qual ele teria voltado à cena mais “suave” após o sumiço. Após a festa, Philip Berk, o presidente da HFPA, ensaiou um puxão de orelhas no ator, dizendo que ele havia “passado dos limites”.

Fato é que, diferentemente de 2010, quando a disputa entre o Golias Avatar e o David Guerra ao terror ainda causava alguma expectativa no público, em 2011, com tudo tão previsível, saiu-se da cerimônia mais com Gervais na cabeça do que com os vencedores. O ator, no entanto, já deu uma entrevista em que declarou que não volta a apresentar a cerimônia. Uma pena. Sentiremos sua falta.

Veja abaixo a lista dos principais vencedores do 68º Globo de Ouro, que em “”televisão”” foi quase uma reprise do Emmy, e serve de prévia mais “batata” do Oscar 2011:

CINEMA

Filme – drama
A rede social

Ator – drama
Colin Firth (O discurso do rei)

Atriz – drama
Natalie Portman (Cisne Negro)

Filme – comédia ou musical
Minhas mães e meu pai

Ator – comédia ou musical
Paul Giamatti (Minha versão para o amor)

Atriz – comédia ou musical
Annette Bening (Minhas mães e meu pai)

Ator coadjuvante
Christian Bale (O vencedor)

Atriz coadjuvante
Melissa Leo (O vencedor)

Direção
David Fincher (A rede social)

Roteiro
A rede social

Filme estrangeiro
Em um mundo melhor (Dinamarca)

Animação
Toy story 3

Trilha sonora
A rede social

TELEVISÃO

Série – comédia ou musical
Glee

Ator – comédia ou musical
Jim Parsons (The Big Bang Theory)

Atriz – comédia ou musical
Laura Linney (The Big C)

Série – drama
Boardwalk Empire

Ator – drama
Steve Buscemi (Boardwalk Empire)

Atriz – drama
Katey Sagal (Sons of anarchy)

Ator coadjuvante
Chris Colfer (Glee)

Atriz coadjuvante
Jane Lynch(Glee)

Telefilme ou minissérie
Carlos

Ator em minissérie ou telefilme
Al Pacino (You don’t know Jack)

Atriz em minissérie ou telefilme
Claire Danes (Temple Grandin)

 

Recomendamos para você