Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Livros 29.11.2013 29.11.2013

Retrô SC 2013 – Eduardo Spohr elege os melhores livros, filme e série

Por Cintia Lopes
 
Tradicionalmente, o mês de dezembro é aquela época para fazer o inevitável balanço de fim de ano, aproveitar para planejar os próximos passos e relembrar as conquistas. É justamente nesse último quesito que Eduardo Spohr não terá do que reclamar. Pelo contrário. Afinal, não é sempre que um escritor alcança a marca de 600 mil exemplares vendidos na carreira.
Aos 37 anos, o autor carioca, que é venerado pelo público jovem, especialmente por aqueles que se autointitulam "nerds", constata a cada ano o aumento de fãs de todas as idades. “Gosto de pensar que essa é uma conquista não apenas minha, mas dos leitores e da literatura de entretenimento do Brasil”, explica.
Ele é do tipo que interage com os leitores, seja em bate-papos, como aconteceu na última Bienal do Livro do Rio, em setembro – em que o encontro com fãs foi um dos mais disputados do evento –, ou de modo virtual, por meio das redes sociais, de sites como o Filosofia Nerd e do podcast Nerdcast, do site Jovem Nerd.
Spohr se tornou fenômeno de vendas na categoria ficção/fantasia após o lançamento do livro A Batalha do Apocalipse, pela Editora Verus, em 2010. “É maravilhoso ver como esses leitores estão cada vez mais transformando a leitura em uma experiência coletiva”, analisa.
Em suas viagens pelo Brasil para divulgar suas obras e se aproximar de seu público, o escritor pôde comprovar que o famoso “boca a boca” mudou com o passar dos anos. “Antes você lia o livro e, no máximo, discutia com alguns amigos sobre a obra. Hoje as pessoas se reúnem pela internet, em blogs literários, em fóruns, criam de fato redes e comunidades para discutir suas histórias favoritas. É algo realmente muito forte e intenso”, constata.
Na verdade, o fenômeno foi notado por Spohr já na época do lançamento de A Batalha do Apocalipse, que rapidamente se tornou um best-seller. Em seguida, vieram: Protocolo Bluehand: Alienígenas (Editora NerdBooks), A Torre das Almas (Editora Draco) e a trilogia Filhos do Éden, que até agora conta com os volumes – Herdeiros de Atlântida e Anjos da Morte.
 
 
O próximo passo é concluir o título Paraíso Perdido, que encerra a série e tem lançamento previsto para 2015. “O livro conclui as histórias que começaram lá em A Batalha do Apocalipse. O meu trabalho está sendo agora amarrar todas essas pontas, trazer de volta personagens antigos, juntar o velho e o novo”, adianta.
O escritor também não esconde o desejo de investir em outros formatos dentro do universo da ficção. “Quero escrever HQs e um livro de RPG, mas só vou pensar nisso depois do lançamento de Paraíso Perdido”, planeja.
Para ele, 2014 será um ano com menos viagens e eventos. “Será um período de reclusão. A ideia é focar na escrita e na elaboração do livro. Ainda tenho 600 páginas pela frente”, avisa.
Nesta entrevista exclusiva ao SaraivaConteúdo, Spohr também aponta as obras de maior destaque de 2013, em sua opinião. Confira.
"Uma belíssima coletânea de contos escrita pelo autor paulista Fábio Yabu. Inicialmente foi lançada pelo site Jovem Nerd, mas chegou às lojas este ano pela Editora Globo. Imperdível."
"Mais um grande livro do jornalista e escritor Edney Silvestre. Mantém a mesma linha e qualidade dos romances anteriores, como Se Eu Fechar os Olhos Agora e A Felicidade É Fácil."
 

1356 (LIVRO)

"Sou grande fã de romances históricos, e Bernard Cornwell está entre meus autores favoritos. Neste livro em que a história se passa em setembro de 1356, Bastardo, o protagonista, tem a missão de encontrar a espada desaparecida de São Pedro."
GRAVIDADE (CINEMA)
"Provavelmente o melhor filme de 2013. Com direção de Alfonso Cuarón e protagonizado por Sandra Bullock e George Clooney, o longa é uma grande metáfora para a vida, o universo e tudo mais. Sensacional."
DOWNTON ABBEY (SÉRIE)
"Sem sombra de dúvidas, a grande série dramática do ano. Destaco especificamente a 3ª temporada. Fotografia, enredo e grandes atuações."
 
 
Recomendamos para você