Ramiro Fajuri por Ramiro Fajuri Outros 05.10.2020 05.10.2020

Porque você deve apoiar e divulgar o Outubro Rosa

O Outubro Rosa é uma campanha realizada anualmente para conscientizar as pessoas, especialmente as mulheres, sobre os perigos do câncer de mama,  estimulando que todas as mulheres façam os exames preventivos, ajudando a diagnosticar a doença e iniciar o tratamento o mais cedo possível, o que aumenta muito as chances de cura.

Além da conscientização, o Outubro Rosa também é uma campanha para que o acesso ao tratamento médico para o câncer de mama seja universalizado no Brasil, e que além do atendimento médico, todas as mulheres tenham também o suporte emocional e psicológico para passar por essa situação.

Por isso, durante o mês de outubro, diversas instituições realizam campanhas de diversos tipos para que as mulheres façam o exame, chamado mamógrafa, e muitas até o disponibilizam.

A origem do Outubro Rosa

O Outubro Rosa, em inglês Pink October, foi criado nos Estados Unidos em 1990 como uma iniciativa da Fundação Susan G. Komen, uma entidade criada em 1982 por Nancy G. Brinker, como uma homenagem à sua irmã, Susan, que dá nome à fundação, que morreu de câncer de mama.

Segundo o site oficial da Susan G Komen Fundation, desde sua criação, em 1982, a fundação já destinou mais de 1 bilhão de dólares em fundos para pesquisas científicas sobre o câncer de mama e mais de 2 bilhões para programas de triagem, educação, tratamento e apoio psicossocial, atendendo milhões de pessoas em mais de 30 países.

Porque Outubro Rosa

O primeiro evento promovido pela fundação Susan G. Komen foi uma corrida de conscientização em 1990, realizada em  Nova Iorque, onde foi distribuído um laço rosa que se tornou a cor símbolo da campanha. A corrida é anual, e tem sido realizada todos os anos desde então.

E da mesma maneira que outra campanha de saúde pública, o Setembro Amarelo, o Outubro Rosa ilumina com a sua cor símbolo prédios e monumentos famosos em todo o mundo, como a 10 Downing Street, residência oficial do Primeiro-Ministro do Reino Unido, em 2011, o Palácio do Planalto, sede do governo brasileiro, em 2014, e a  Casa Branca, sede do governo dos EUA e residência do presidente dos Estados Unidos, em 2017.

O câncer de mama no Brasil

Segundo o site oficial do Instituto do Câncer, em 2019 , nas captais o Brasil teve 59.700 casos de câncer de mama feminino (sim, existe também uma forma masculina), e destes, 19.920 eram novos casos.  A taxa de incidência bruta estimada é de 56, 33 casos por 100 mil habitantes no país e 80,33 casos por 100 ml habitantes nas capitais.

Quantas mulheres morrem de câncer de mama no Brasil

Segundo o INCA, o Instituto do câncer, em 2016 16.069 mulheres morreram no Brasil por causa do câncer de mama, uma taxa de 15,4 por 100 ml mulheres.

Porque fazer o exame de mamografia preventivo

95% dos casos de câncer de mama identificados no estágio inicial têm chance de cura. Então, faça o exame de mamografia regularmente, e lembre suas filhas, mães, irmãs, amigas, conhecidas e colegas de fazer o mesmo. O Outubro Rosa existe para isso.

Recomendamos para você