Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Filmes e séries 30.11.-0001 30.11.-0001

O dom de envelhecer

Por Edu Fernandes
 
O cinema é uma janela para o mundo. Ao analisar a produção de um determinado período, percebemos o que se passa no imaginário coletivo. Atualmente, os longas cujos personagens principais estão na casa dos 60 (ou além) são atrações mais frequentes no circuito. Isso indica o envelhecimento da população em vários países. No dia 8 de março, dois desses exemplos entram em cartaz no Brasil.
Amigos Inseparáveis conta a história de Val (Al Pacino, de As Duas Faces da Lei), que sai da prisão depois de cumprir 30 anos de pena. Quem vai buscá-lo na penitenciária é Doc (Christopher Walken, de O Mafioso), um de seus antigos parceiros no crime. Os dois passarão um dia movimentado, mas a missão de Doc é executar o amigo.
No começo do reencontro, Val quer voltar a aproveitar a vida como antigamente, mas seu corpo já não é mais o mesmo. A partir de um momento de frustração em um bordel, ele percebe que precisa se adaptar. Para isso, os dois invadem uma farmácia e roubam remédios – entre eles, pílulas para disfunção erétil.
O enredo segue dessa forma, com os personagens tentando reviver o passado e tendo de superar o peso das décadas. A única coisa que não mudou nessa dinâmica é a amizade.
 
 Personagens do filme O Quarteto

O Quarteto usa o cenário ideal para um filme sobre velhice: um asilo. A casa de repouso retratada no longa é povoada por músicos aposentados. O local passa por dificuldades financeiras e está ameaçado de fechar suas portas. Por essa razão, os residentes organizam um show beneficente para levantar fundos que garantam o funcionamento da instituição.

A chegada de Jean (Maggie Smith, de Nanny McPhee e as Lições Mágicas) é o fator que movimenta o roteiro. Ela foi uma cantora de ópera de muito sucesso, e sua presença no palco deve atrair muitas doações ao asilo. Por outro lado, pendências amorosas com Reginald (Tom Courtenay, de A Bússola de Ouro) colocam em risco o equilíbrio emocional do local. Para tentar resolver o impasse, Wilf (Billy Connolly, de As Viagens de Gulliver) e Cissy (Pauline Collins, de Você Vai Conhecer o Homem dos Seus Sonhos) intervêm.
A mensagem de O Quarteto é que, com a maturidade, devem vir a aceitação e a tolerância. Os amigos precisam respeitar a personalidade dos outros, como os excessivos galanteios de Wilf; e aprender a lidar com as adversidades trazidas com o passar do tempo, como os problemas de memória de Cissy.
No fim das contas, o que esse tipo de produção afirma é que devemos aproveitar a vida, independente da idade que tenhamos.
 
Cena do filme Cowboys do Espaço

OUTROS FILMES SOBRE VELHICE:

Cowboys de Espaço (2000) – Com Clint Eastwood, Tommy Lee Jones, Donald Sutherland e James Garner. Nos anos 1950, um grupo de amigos foi traído e eles não conseguiram se tornar astronautas. A chance de ir ao espaço reaparece décadas depois, quando um deles é chamado para resgatar um satélite.
Antes de Partir (2007) – Com Jack Nicholson e Morgan Freeman. Dois doentes terminais se conhecem no hospital. Juntos, decidem tentar realizar os sonhos que adiaram pela vida inteira.
O Exótico Hotel Marigold (2011) – Com Judi Dench, Tom Wilkinson, Bill Nighy e Maggie Smith. Aposentados britânicos vão à Índia na esperança de encontrar um santuário que chamarão de lar. O local é muito mais precário do que os novos moradores estão dispostos a aceitar, mas transforma-se no cenário de conflitos emotivos para todos.
Juan e a Bailarina (2011) – Coprodução entre Brasil e Argentina que deve estrear em 12 de abril. Um grupo de moradores de um asilo se mobiliza para derrotar o filho da enfermeira. O jovem assume o posto da mãe quando ela tira férias e maltrata os idosos.
 
 
 
Recomendamos para você