Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Filmes e séries 19.01.2015 19.01.2015

Motivos para ver e rever séries

Por Fernanda Oliveira
Atualmente, poucos meses depois de um filme sair de cartaz nas salas de cinema, é possível adquiri-lo em DVD, Blu-ray ou ainda em arquivo digital. Assim, quem não assistiu pode ver no conforto do sofá de casa e quem já assistiu tem a chance de rever quantas vezes quiser.
O mesmo acontece com as séries de TV. No entanto, elas têm como diferencial o fato de serem longas, já que podem ter inúmeras temporadas. Por exemplo, Friends chegou ao fim após dez anos, contendo um total de mais de 200 episódios.
Logo, diferentemente de um filme, que exige que o espectador passe em média 2 horas em frente à televisão, para ver um seriado completo é preciso dispor de muitas horas e até mesmo dias. Certamente há aqueles que já fizeram suas “supersessões”, assistindo a algumas temporadas de uma vez só. Na verdade, cada um acaba criando o seu próprio “método” para assistir às suas séries favoritas.
No entanto, em geral, aqueles que adquirem as coleções realmente adoram a produção em questão. Além disso, muitas delas apresentam extras, o que acaba sendo um atrativo a mais, como a edição especial de Breaking Bad lançada agora no mês de dezembro. Limitada, ela está disponível em embalagem exclusiva em formato de barril, além de contar com mais de 55 horas de conteúdo adicional.
“Acho que dificilmente alguém compra um box para conhecer uma série. Quem adquire e quer ter um seriado precisa ser fã”, afirma a jornalista Vanessa Gonçalves, que, no momento, está encantada com Grey’s Anatomy, How I Met Your Mother e Orange is the New Black.
Lucas Martins Menezes, universitário do primeiro ano do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, tem opinião parecida. Para ele, que atualmente está acompanhando Supernatural, aqueles que adquirem um box têm um certo apego pelas séries.
Breaking Bad é uma das séries atuais de maior sucesso entre público e crítica
HORAS EM FRENTE À TV
A empresária Marília Rosa Alves, que tem acompanhado Two and Half Men desde o início, diz que o seu interessante de ter o box da série é poder vê-la quando quiser. Ela conta que costuma assistir a uma temporada de cada vez e depois escolhe os episódios mais engraçados para rever.
Essa flexibilidade também é um atrativo das coleções para a jornalista Cristiane Modolo. Porém, ela também destaca a possibilidade de cada um poder adotar um “método” pessoal para assistir, criando o seu próprio “ritmo”.
“Todo fã de série já passou um final de semana sem colocar os pés na rua, vendo uma temporada inteira! A fase em que mais assisti foi quando morei em Beijing, na China. No inverno, que chega a fazer 15 ºC negativos, não há muito o que fazer. Então, fiquei ainda mais ‘viciada’ em seriados. Nessa época, anotava os episódios que via na minha agenda, porque acompanhava diversos ao mesmo tempo, como American Horror Story, Dexter, Grey´s Anatomy, House of Cards, Private Practice, Scandal e The Walking Dead“, conta Cristiane.
Vanessa também já passou horas em frente à TV vendo suas produções favoritas. “Meu recorde foi em 2013, quando assisti a todas as temporadas que estavam disponíveis em DVD de Grey’s Anatomy na semana entre o Natal e o Ano Novo. Assisti a um box por dia. Acordava, comia e dormia vendo o seriado”, relata a jornalista, acrescentando ainda que tem inúmeras músicas da trilha sonora de diversas temporadas da série. “Assisti tanto que as músicas já fazem parte do meu cotidiano”.
Entre sua 1ª e 8ª temporada, a série Two and Half Men contou com Charlie Sheen como protagonista
Mais modesto, Lucas relata que já passou seis horas direto vendo episódios de um seriado. “Quando comecei a assistir era tarde, então só me dei conta do tempo que passei em frente à TV quando o dia começou a amanhecer”.
Cada um tem seus motivos para rever, além de gostar das produções, é claro. No entanto, em geral, os espectadores buscam detalhes, como Lucas, que acha interessante assistir com mais atenção para entender melhor situações que possam ter passado despercebidas.
“Acho que toda vez que a gente revê uma série acaba encontrando elementos nos quais não tinha reparado, além de analisar melhor o enredo e os personagens. É coisa de nerd, como eu”, opina Vanessa.
Supernatural tem como protagonistas os atores Jared Padalecki e Jensen Ackles
Já para Cristiane, a procura por minúcias é uma diversão. “Cada vez que revejo percebo algo diferente na história ou me divirto com alguma outra coisa. Na fase de loucura por Lost, por exemplo, revi as primeiras temporadas diversas vezes para tentar descobrir mais detalhes e conversar com os amigos que também estavam acompanhando”.
CONTEÚDO EXTRA
Muitas coleções têm trazido conteúdo extra, sendo esse um atrativo a mais para aqueles que acompanham os seriados. O tipo de material varia bastante, assim como a quantidade. “Acho bacanas os extras. Quem é muito fã de uma série adora saber detalhes, ver cenas que foram cortadas, bastidores…”, ressalta Vanessa.
Tanto Marília quanto Cristiane gostam, especificamente, de erros de gravação. A jornalista ainda destaca finais alternativos, entrevistas, imagens que mostrem o set e curiosidades. Enquanto a empresária se diverte com cenas que não foram usadas na edição final.
Kerry Washington como Olivia Pope na série Scandal
Para Lucas, esse conteúdo extra é para quem quer mais da produção, como é o seu caso. “É onde os roteiristas e atores revelam detalhes e curiosidades a respeito da série, ou seja, é ideal para os fãs”, diz, destacando sua preferência pelas entrevistas. “Nelas, às vezes, é possível ter uma ideia do que pode acontecer nas próximas temporadas”.
Recomendamos para você