Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Filmes e séries 22.01.2015 22.01.2015

Motivos para ver ‘Birdman’

Por Edu Fernandes
Na temporada de premiações de Hollywood, as ofertas do circuito de cinema são tentadoras. Uma delas é Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância) (Fox), que concorre a oito estatuetas do Oscar. O filme estreia em 29 de janeiro no Brasil, mesma data em que outros dois títulos indicados aos prêmios da Academia entram em cartaz: A Teoria de Tudo (Universal) e Caminhos da Floresta (Disney).
Birdman conta a história de Riggan (Michael Keaton, de Need for Speed: O Filme), um ator decadente que ficou famoso por interpretar no cinema um super-herói. Para provar que ainda tem valor artístico, agora ele dirige e atua em uma peça de teatro, cujo texto foi adaptado por ele mesmo.
Para ajudar o leitor e cinéfilo em meio a tantas opções, o SaraivaConteúdo listou algumas razões para ver a produção no cinema.

Situações bizarras são fonte de riso
UMA COMÉDIA DE IÑÁRRITU
A produção é a primeira comédia dirigida por Alejandro Iñárritu (Babel). Por isso mesmo, não se trata de um longa tradicional desse gênero.O riso que o cineasta procura é fruto do estranhamento e do nervosismo causados pela aproximação da estreia da peça. Por isso, uma parte considerável da trilha musical é feita por percussão, para manter a atmosfera de tensão.


Cena do filme Biutiful (2010)
PROTAGONISTA “MÁGICO”
Logo que começa Birdman, vemos Riggan meditando no ar. Ele está acima do solo, apenas de cueca. Mais adiante, o ator dá sinais de telecinese, mas o filme não deixa claro se os poderes do personagem são reais ou fruto de uma mente desequilibrada.
Em Biutiful (Paris), trabalho anterior de Iñárritu, o diretor também faz uso do sobrenatural no roteiro protagonizado por um homem em crise. Uxbal (Javier Bardem) vê fantasmas, e o elemento fantástico fica em segundo plano novamente.

Cena do filme Batman – O Retorno (1992)
A VIDA IMITA A ARTE
Outra forma de humor da produção está na ironia do elenco. Riggan parou de interpretar o super-herói em 1992, mesmo ano em que Keaton pendurou o manto do Homem-Morcego em Batman – O Retorno (Warner) e caiu no ostracismo que durou até recentemente.Mike (Edward Norton, de O Grande Hotel Budapeste), parceiro de cena de Riggan na peça, faz exigências impraticáveis para realizar seu trabalho. A fama de Norton é exatamente de ser um homem com quem é difícil de se lidar.


Atores de peso participam do filme
ELENCO DE APOIO
Além de Keaton e Norton, Birdman traz outros atores famosos em seu time. Naomi Watts (Diana) interpreta uma das atrizes da peça, assim como Andrea Riseborough (Oblivion).Fora do palco, Emma Stone (O Espetacular Homem-Aranha 2) vive a filha e assistente do protagonista. O elenco se completa com Zach Galifianakis (Se Beber, Não Case!) na pele do produtor do espetáculo. O curioso é que o comediante não faz o tipo de humor que o público está acostumado a ver em seus trabalhos anteriores.


Diretor Alejandro Iñárritu (dir.) é fotografado no set de Birdman
PLANO-SEQUÊNCIA
Uma das características mais marcantes de Birdman é que o grosso do filme acontece em um plano-sequência falseado. Os cortes entre as tomadas são disfarçados por truques de câmera e efeitos visuais, assim fica a impressão de uma tomada única. Essa é mais uma ferramenta que Iñárritu usou para manter a tônica nervosa do longa.
Veja o trailer de Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância):
Recomendamos para você