Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Música 30.11.-0001 30.11.-0001

Inflamada, Keys une Minaj e r&b retrô em ‘Girl on Fire’ sem perder alma

Por Mauro Ferreira do Blog Notas Musicais
 
Há longa distância entre o álbum que revelou Alicia Keys no universo pop, Songs in A Minor (2001), e este Girl on Fire,  quinto álbum de estúdio da cantora, compositora e pianista norte-americana de soul R&B.
 
Ao longo desses onze anos, Keys se rendeu progressivamente à fórmula pop do mercado comum da música mas sem vender sua alma aos por vezes diabólicos executivos da indústria do disco. Girl on Fire flagra uma Alicia Keys inflamada – sobretudo no explosivo dueto com a desbocada rapper Nicki Minaj na faixa-título "Girl on Fire", de fogo e tons altos – mas sem anular a essência de sua música.
 
Alocado na abertura do disco, "De Novo Adagio" é intro que lembra a formação clássica da pianista. Gravada em dueto com Maxwell, a sensual balada "Fire We Make" alimenta a chama sem sair do universo soul / R&B no qual Keys transita com habilidade.
 
Na seara das baladas, aliás, o destaque absoluto é "Brand New Me", parceria da compositora com a escocesa Emeli Sandé. A bela evocação dos sons da Motown nos anos 60 – feita em "Tears Always Win", faixa assinada pela artista com Bruno Mars – também valoriza álbum que, por mais que acena aqui e acolá para o mercado, parece pautado por emoções reais, detectadas em "Not Even The King", outra parceria de Keys com Sandé, e nos versos de "When It's All Over", tema no qual a cantora faz – ao som eletrônico indie do produtor inglês Jamie Smith, também conhecido por Jamie xx – o inventário emocional de relação que chega ao fim. A imersão no R&B eletrônico dá o tom de "Listen to Your Heart" enquanto "Limitedless" joga Keys na praia do pop reggae eletrônico.
 
Já a balada "That's When I Knew" se diferencia por ser calcada no violão e não no piano que habitualmente sustenta e harmoniza a música da artista. Mais para o fim, "One Thing" conecta Keys a Frank Ocean enquanto "101" (mais uma salutar parceria da compositora com Emeli Sandé) corrobora que, sim, a alma inflamada de Alicia Keys está preservada, sem arder no inferno do mercado fonográfico.
 
 
Resenha de CD
Título: Girl on Fire
Artista: Alicia Keys
Gravadora: RCA Victor / Sony Music
Cotação: * * * 1/2
Recomendamos para você

Os produtos Saraiva mais comentados