Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Filmes e séries 26.11.2014 26.11.2014

Elsa e Fred: um remake com sabor argentino

Por Edu Fernandes
 
Não é só no Brasil que o cinema argentino tem fãs. Em Hollywood, a filmografia de nossos hermanos é vista como uma fonte de onde se obtém boas histórias para serem recontadas. É o caso de Elsa e Fred (Diamond), refilmagem do longa argentino Elsa e Fred – Um Amor de Paixão (Imagem). O remake entra em cartaz em 27 de novembro.

Na produção estadunidense, Frederick Barcroft (Christopher Plummer, de Toda Forma de Amor) é um recém-viúvo que se muda para um apartamento. No mesmo andar do prédio mora Elsa Hayes (Shirley MacLaine, de A Vida Secreta de Walter Mitty), uma senhora de espírito aventureiro. Como os opostos se atraem, não demora muito para sentimentos nascerem entre os dois.

Para se encaixar em um contexto diferente, algumas mudanças foram realizadas no roteiro original, a começar pelo nome do protagonista. O Fred da produção latina chama-se Alfredo (Manuel Alexandre, de Pretextos) e tem um temperamento mais fofo do que o amargo Frederick do remake.

 
Cena do filme Elsa e Fred – Um Amor de Paixão
Na ala feminina, a principal diferença é que Elsa (China Zorrilla, de Conversaciones com Mamá) é uma imigrante argentina radicada em Madri. Essa alteração espelha o arranjo de produção do filme. Elsa e Fred – Um Amor de Paixão é uma colaboração entre Argentina e Espanha. Já o remake é totalmente estadunidense.
Por outro lado, os conflitos familiares de cada um dos protagonistas são idênticos em ambos os filmes. Elsa tem de lidar com a vigilância de seu filho mais velho enquanto tenta auxiliar seu filho mais novo, um artista sem dinheiro. Já Fred tem a superproteção de sua filha para lhe tirar o sono, além de precisar considerar a possibilidade de investir em um novo negócio de seu genro.
 

Relações com filhos formam conflitos do filme
As locações também passaram por mudanças de filme para filme. A história de amor contada em 2005 se passa na capital espanhola, enquanto o novo longa usa Nova Orleans como cenário.
As cidades onde os casais se conhecem não são essenciais para o roteiro, mas a participação de Roma na trama é de suma importância. Por isso mesmo, ambos os longas abordam o carinho que Elsa sente por A Doce Vida (Versátil), filme de Federico Fellini de 1960. Ela sonha em ir à Cidade Eterna para reviver a famosa cena na fonte de Trevi.

 Cena do filme O Segredo dos Seus Olhos
UM NOVO SEGREDO
O caso de amor de Hollywood com o cinema argentino renderá mais frutos em um futuro próximo. O Segredo dos Seus Olhos (Europa), vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro em 2010, ganhará uma versão estadunidense.
O novo O Segredo dos Seus Olhos está atualmente em fase de pré-produção, e a estreia está marcada para 2015. Com direção de Billy Ray (Quebra de Confiança), o elenco traz nomes do porte de Julia Roberts (Álbum de Família), Nicole Kidman (Obsessão) e Chiwetel Ejiofor (12 Anos de Escravidão).
 
Veja o trailer de Elsa e Fred:
 

 
 
Recomendamos para você