Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Livros 14.11.2014 14.11.2014

DEZ razões para ter a “enciclopédia” que mostra Westeros como você nunca viu

Por Carolina Cunha
Já pensou em viajar pelo mundo mítico de Westeros tendo George R. R. Martin como guia? Lançado em outubro deste ano no exterior, a Leya publica no Brasil O Mundo de Gelo e Fogo, obra ricamente ilustrada que revela as muitas faces dos universo criado pelo autor.
R. R. Martin escreveu o volume em parceria com Elio M. García Jr. e Linda Antonsson, editores do fansite Westeros.org. Em entrevista à MTV, o escritor disse que “o livro explica milhares de anos de história ao redor de Westeros, Essos e territórios próximos e distantes. Apesar disso, ainda há mais a ser revelado num próximo livro”.
O título lembra uma enciclopédia, mas acabou sendo escrito como uma “história” recuperada de manuscritos antigos, sendo contada pela perspectiva de Mestre Yandel, um novo personagem que resgata todo o passado do mundo. Ele o escreve para presentear o Rei de Westeros.
São quase 400 páginas e ilustrações de mais de 20 artistas de fantasia, com detalhes da história e cultura dos Sete Reinos, as batalhas épicas, conflitos políticos e origem das casas, povos e seres que o habitam. Se na série de TV tais fatos são citados brevemente, aqui o leitor pode apreciar cada detalhe.
Listamos 10 motivos para você guardar um espaço para O Mundo de Gelo e Fogo na sua estante – e ler tudo antes que o inverno chegue e Martin lance o próximo volume da série.
1. ÁRVORES GENEALÓGICAS COMPLETAS
Se você ficou curioso para entender as conexões de parentesco dos personagens, aqui é possível analisar as árvores genealógicas completas das Casas Stark, Lannister e Targaryen.
2. OS SETE REINOS E LUGARES DISTANTES
Os Sete Reinos de Westeros são “dissecados”. Sabemos quem foram os primeiros habitantes selvagens e conhecemos todos os conflitos das famílias dominantes. Além disso, outras regiões distantes merecem destaque: o que estaria além das Cidades Livres? E a oeste de Westeros? O livro traz detalhes da geografia e dos povos que vivem em lugares como Ilhas de Verão, Naath e Ibben e o continente de Sothoryos.
Capa do livro O Mundo de Gelo e Fogo e o trono imaginado por Martin
3. O TRONO DE FERRO DE MARC SIMONETTI
O artista francês Marc Simonetti ficou conhecido por assinar as belas capas da série. O Mundo de Gelo e Fogo traz a lendária ilustração do Trono de Ferro, considerada por Martin a versão mais fiel ao que ele imaginou quando criou a história. Uma imagem para guardar para sempre.
4. NO TEMPO DOS DEUSES ANTIGOS
Rostos esculpidos em árvores chamadas represeiros aparecem aqui e acolá nas histórias. Mas quem eram os Deuses Antigos e seus cultos? E como o culto dos Sete suplantou os Velhos Deuses? Em O Mundo de Gelo e Fogo, aprendemos sobre os Deuses Antigos e a conexão entre essas árvores e os sábios dos filhos da floresta, que eram capazes de ver através dos olhos esculpidos.
Ilustração da Pedra do Dragão
5. O QUE ACONTECERIA SE OS OUTROS GANHASSEM?
O maior pesadelo dos homens da Patrulha da Noite é cruzar com criaturas misteriosas chamadas os Outros, que remontam aos períodos mais antigos da criação do mundo. O que aconteceria exatamente se os Outros invadissem a Muralha do Norte? O livro explica a origem da Patrulha, as lendas de como a Muralha foi erguida e de como seria o reino dos homens dominado pelos Outros, um tempo certamente escuro e com um frio eterno…
6. ASCENSÃO E QUEDA DOS PODEROSOS TARGARYEN
Os antepassados de Daenerys unificaram os Sete Reinos, mas a história foi bem mais complicada do que imaginávamos. Valyria era a cidade mais importante de sua época, e os Targaryen eram um clã dos senhores dos dragões. O livro mostra o passado glorioso de Valyria e como os Targaryen migraram para a Pedra do Dragão, até que Aegon conquistou Westeros. O que se passou foi uma sucessão de reis loucos, muito provavelmente resultado dos incestos da família. E você vai saber de cada um deles.
7. QUANDO DRAGÕES EXISTIAM
Como os “filhos” de Daenerys serão quando crescerem? Podemos apostar que eles terão uma boa educação e crescerão saudáveis e fortes – até demais. Uma das ilustrações do livro mostra Aegon Targaryen voando nas costas de Balerion, um gigantesco dragão. A maior parte dos dragões se foi para sempre, destruídos após a queda do Império Valiriano. Antes que Daenerys trouxesse alguns de volta, houve uma época em que os dragões eram muitos, e a obra conta o que aconteceu. Eles não eram apenas três. Eram mais de 3 mil. E ainda há rumores de que existem dragões além das fronteiras de Asshai, como os Dragões de Gelo.
Aegon Targaryen
8.O PASSADO DE TYWIN LANNISTER
O calculista Tywin Lannister (o pai de Cersei, Jaime e Tyrion) orgulha-se de ter sido um dos senhores mais temidos dos Sete Reinos. Como esquecer o Casamento Vermelho, massacre que chocou os fãs e que foi arquitetado pelo lorde? Antes de ser conhecido pela soberba, Tywin era um jovem com baixa autoestima e morria de vergonha de ser um Lannister. Freud explica. Seu pai, Tytos Lannister, era frouxo e quase levou a família à ruína. Tywin ficou obcecado em arrumar a bagunça e lutar para que o clã voltasse a ser rico e temido. Isso incluía matar os inimigos sem misericórdia. No livro, é explicado o acontecimento que deu origem à canção “As Chuvas de Castamere”, que descreve a esmagadora vitória de Tywin Lannister sobre a rebelde Casa Reyne de Castamere. A música é entoada como um presságio do destino de quem enfrenta Tywin Lannister.
9. O PASSADO DO POVO DA PRINCESA NYMERIA
Na série, pouco sabemos sobre a lendária Nymeria, que inspirou o nome da loba gigante de Arya Stark. Nymeria foi uma rainha guerreira dos Roinaires. Eles habitavam a beira do rio Roine e foram forçados a fugir após o ataque dos Valirianos. A princesa Nymeria liderou a fuga com 10 mil navios através do mar estreito, tendo aportado em Dorne, em Westeros, onde juntou forças com a Casa Martell. Mas antes da fuga, o que aconteceu com os Roinaires é desolador: os que não foram queimados por dragões se afogaram no rio sagrado.
10. UM ROLÊ PELOS CASTELOS
Conhecer cada detalhe dos importantes castelos que fazem parte das histórias de Martin é algo raro. O castelo ancestral dos Lannisters, o Rochedo Casterly, é uma fortaleza construída em uma colina de rochas, e suas defesas foram reforçadas por muralhas. Essa colina tem um grande complexo de minas, um porto para navios e ouro em todo lugar. Já o castelo de Jardim de Cima, o coração do cavalheirismo nos Sete Reinos, é descrito como um paraíso perdido, com bosques, fontes, jardins e campos de flores.
A Fortaleza Vermelha e A Muralha
Recomendamos para você