Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Filmes e séries 30.11.-0001 30.11.-0001

DEZ previsões de ‘De Volta Para o Futuro 2’ para 2015

Por Andréia Martins
Há 26 anos, o longa De Volta para o Futuro 2, uma das mais bem-sucedidas franquias de filmes dos anos 1980, chegava aos cinemas trazendo diversas ideias de como seria o mundo em 2015. Eram na verdade, como o próprio diretor Robert Zemeckis declarou posteriormente, situações que tinham um tom muito mais de ironia e humor do que de previsões certeiras. 
Mas, com a chegada de 2015, vê-se que a produção não estava assim tão longe do que seria realidade, e nem todos os fatores previstos soam assim tão impossíveis.
Mas o mundo moderno deixou muitas previsões para trás, como, por exemplo, o uso do disco laser, que aparece no filme. Já migramos para o CD e outras mídias, uma evolução bem superior à prevista.
A bordo de uma máquina que volta no tempo (a memória), vamos relembrar o que o longa antecipou para o ano em que estamos e conferir quais elementos viraram realidade e quais ficaram para um futuro mais distante.
1. CARROS VOADORES
“Estradas? Nós não precisamos de estradas”, diz o doutor Brown quando resolve voltar ao futuro com o jovem Marty McFly (interpretado por Michael J. Fox) e sua namorada, Jennifer (Elisabeth Shue). Em um bairro residencial da Califórnia, DeLorean, o carro que transportava os dois para outras épocas, levita e voa. Era outubro de 1985, e a máquina voadora levaria o trio para 2015, onde todos os carros eram voadores e as ruas traziam pistas de aterrissagem para os automóveis.
Infelizmente, a cena, muito comum no desenho futurista Os Jetsons, é uma das previsões do filme que a tecnologia e a indústria automotiva ainda não sabem ou pensam em tornar realidade. Sendo assim, nós ainda precisamos de estradas…
 
2. TÊNIS SEM CADARÇOS E COM AJUSTE AUTOMÁTICO
Parece uma bobagem, mas uma das previsões mais esperadas do longa eram os famosos tênis Nike sem cadarços e com ajuste automático. Tênis que não precisam ser amarrados já existem em diferentes marcas e modelos, mas o ajuste do calçado é o que faz dele um item muito desejado e ainda inédito no mercado. Hoje existem roupas e sapatos com tecido inteligente, mas ainda distantes dos mostrados no filme.
Fora das telas, a Nike havia prometido lançar um modelo semelhante ao da produção em 2011. Mas, recentemente, um teaser mostrou que eles estão trabalhando num tênis desse estilo, que pode chegar ao mercado em breve… Quem sabe a marca não estava só esperando a chegada de 2015?
 
3. HOLOGRAMAS
Um holograma de Michael Jackson foi notícia em todo o mundo após a "aparição" do músico no prêmio Billboard Music Awards, em 2014. As imagens holográficas já foram usadas para representar em shows outras celebridades falecidas (como o rapper Tupac Shakur e o cantor Cazuza), apresentar protótipos de produtos, reproduzir cenas e animações e outras finalidades. Só não há ainda o cartaz holográfico.
Essa era a previsão do filme para 2015. Enquanto anda na rua, Marty vê um cartaz holográfico do filme Tubarão 19, dirigido por Max Spielberg, filho de Steven Spielberg (oficialmente, a franquia Tubarão tem cinco títulos).
A tecnologia do cartaz é parecida com a das telas de LED que veiculam anúncios. Mas a ciência está avançando rápido nesse caminho. Já estão previstas chamadas de vídeo com holograma no celular… É uma questão de tempo até chegarmos aos cartazes holográficos.
 
4. SKATES FLUTUANTES
Quem nunca pensou em ter um skate flutuante? A invenção ajudaria muita gente a evitar o trânsito e a se locomover mais rapidamente. Mas já pensou o que aconteceria nos dias de hoje, com uma perseguição em skates flutuantes, como ocorre no filme? Provavelmente resultaria num strike de pessoas.
Embora o produto ainda não exista no mercado, uma startup da Califórnia (EUA) construiu, neste ano, o primeiro protótipo real de um skate similar ao que aparece no longa. Ou seja, parece que mais uma previsão está perto de ser concretizada.
 
5. TABLETS, COMPUTADORES PORTÁTEIS E COMUNICAÇÃO
Em 1989 era praticamente impossível imaginar um computador leve, de finíssima espessura e que coubesse na palma da mão. O filme previu tudo isso, mas sem saber que eles se chamariam tablets ou iPads, ou que poderiam ter tamanho reduzido para caber na bolsa (como notebooks e netbooks).
Na comunicação, as videochamadas ou videoconferências, inéditas na época da produção, também se tornaram realidade, seja por computador ou celular, em aplicativos específicos ou via redes sociais.
O mais curioso é que o longa considerava que, em 2015, o orelhão e o fax seriam os mais importantes meios de comunicação entre as pessoas, tendo o segundo um papel importante no envio de documentos. Imagine se Zemeckis tivesse previsto o e-mail, a troca de mensagens instantâneas, o scanner…
 
6. PIZZA INSTANTÂNEA
Em De Volta Para o Futuro 2, a família McFly se reúne para comer uma pizza. A avó de Marty pega um pacote do tamanho de um pires contendo o alimento e coloca no forno reidratador. A máquina transforma a pizza pequena em uma enorme.
Embora já existam pacotes de macarrão instantâneo e comida desidratada – usada pelos astronautas, mas preparada com água –, ainda estamos à espera da pizza instantânea.
 
7. ÓCULOS INTELIGENTES
Após a pizza instantânea ser servida, os dois filhos adolescentes de Marty e Jennifer divertem-se com seus óculos de realidade virtual na mesa do jantar (olha aí uma previsão de comportamento), o que no mundo real só seria desenvolvido anos depois.
Embora não sejam itens que vemos com frequência pelas ruas, eles já são realidade. Um exemplo é o Google Glass. Com o acessório, é possível interagir com diversos conteúdos de realidade aumentada, tirar fotos, enviar mensagens instantâneas, entre outros. 
 
8. POSTOS DE GASOLINA SEM FRENTISTAS
Esqueça a ideia tradicional de posto de gasolina. Eles podem estar no chão ou um pouco mais acima, para que os carros voadores possam estacionar. Você é atendido por um robô que simultaneamente enche o tanque do carro, limpa o vidro, troca o óleo, pergunta como foi seu dia, entre outras coisas. A previsão é mais uma na lista de coisas a serem criadas.
 
9. BLUSA PARA USAR COM DUAS GRAVATAS AO MESMO TEMPO
Nem só em tecnologia foram baseadas as previsões de De Volta Para o Futuro 2. No quesito moda, a versão mais velha de Marty, em 2015, aparece usando uma camisa com entrada na gola para o uso simultâneo de duas gravatas. Um parceiro comercial do protagonista com o qual ele se comunica por videoconferência aparece com o mesmo visual. A moda agradece o fato de o estilo não ter pegado.
 
10. LANCHONETES PARA VOCÊ MALHAR ENQUANTO COME – OU VICE-VERSA
Os mais atentos ao filme reclamam que não há pessoas acima do peso na concepção de futuro da produção. Uma cena curiosa acontece quando Marty entra em uma lanchonete, o Cafe 80’s, equipada com bicicletas ergométricas. Mas não se trata apenas de um aparelho para exercício físico: você malha enquanto come – ou come enquanto malha. Talvez a gente não veja essa invenção por aí nem num futuro distante.
 
 
 
Recomendamos para você

Os produtos Saraiva mais comentados