Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Filmes e séries 30.11.-0001 30.11.-0001

Criador de ‘Arquivo X’ apresenta nova série de espionagem no Rio de Janeiro

Por Edu Fernandes
 
O roteirista Frank Spotnitz tem um séquito de fãs espalhados pelo mundo por causa de sua mais famosa criação: Arquivo X. Parte dessa legião estava presente no Festival do Rio para acompanhar um workshop de roteiro ministrado pro ele.
 
Além da palestra, Frank deu a seus seguidores no Brasil outro presente: o escritor levou à Cidade Maravilhosa o primeiro episódio de seu mais novo seriado.
 
Hunted narra as aventuras de Sam, uma espiã que trabalha para uma empresa privada do ramo. Ela tem dívidas com seu passado e um inimigo que é igualmente cruel e misterioso.
 
A série estreia nos Estados Unidos no dia 19 de outubro. Ainda não há data de lançamento para o Brasil.
 
No entanto, trata-se de uma coprodução entre BBC e Cinemax e a estreia por aqui deve acontecer em breve.
 
Antes da exibição do primeiro episódio, Frank contou um pouco da atração e como foi o processo para realizá-la. “Decidi em 2005 que queria ir para Londres, para poder criar cenas diferentes do que se vê em outros seriados”, disse o roteirista. Desde então, foram alguns anos para levantar o orçamento com investidores e elaborar o enredo.
 
“Deliberadamente, escrevi um seriado de espionagem porque esse é o meu gênero favorito”, afirmou. “Li todos os livros de James Bond”.
 
Além do gênero e protagonista britânico, a série partilha com 007 o uso de locações exóticas. Só no primeiro episódio, há cenas em Marrocos, Escócia e Inglaterra. Isso porque a apresentação de personagens se dá em uma missão no norte da África. Lá, Sam é traída e quase morre na mão de capangas, tudo isso recheado com muitas cenas de ação. A espiã se refugia na Escócia, na casa onde passou sua infância. Ela se recupera dos ferimentos e prepara sua volta para descobrir quem quer sua morte.
 
Frank Spotnitz fala sobre elaboração de roteiros para televisão durante Festival do Rio
“Tudo o que se vê na tela são locações reais”, garantiu Spotnitz. “Não recriamos cenários para a série”.
 
Em seu roteiro, Hunted dá várias pistas falsas e engana seu espectador. Ao mesmo tempo que potencializa a atmosfera de mistério desejável para esse tipo de produção, a tática envolve o público no jogo de segredos e enigmas no qual Sam se encontra.
 
“Meu objetivo é competir com todas as boas produções que estão no ar atualmente”, explicou Frank.
 
Hunted está sendo comparada por veículos especializados com outros seriados de espionagem de sucesso, como Homeland.
 
“Não temos CIA, MI6 ou outras organizações, estamos falando de espiões contratados”, disse o roteirista sobre o diferencial de seu trabalho.
 
“É uma série que fala muito do nosso tempo, em que as pessoas querem ganhar dinheiro antes de pensar em fazer o que é certo”, afirmou.
 
Hunted é contemporânea não só pelos elementos citados por Frank. 
 
Ao escolher uma mulher como protagonista em uma realização com tantas cenas de ação, cria-se uma heroína moderna.
 
Nos seriados, esse tipo de personagem já foi testado com La Femme Nikita e Alias, por exemplo. No mundo do cinema, tal figura também está em alta. Prova disso é o projeto de produção de As Mercenárias, filme que reúne grandes musas do filme de ação.
 
Sam Hunter, a personagem principal de Hunted, é vivida por Melissa George. Ela tem alguma experiência anterior em produções que exigem preparo físico. Em sua carreira cinematográfica, a atriz teve vários papéis em filme de terror, mas lutou contra vampiros (não do tipo cintilante) em 30 Dias de Noite (2007). No filme, ela interpreta uma bombeira.
 
O desempenho de Melissa foi elogiado por Frank Spotnitz. “Ela é australiana e teve de conciliar os diferentes sotaques do seu papel. Sua cabeça deve ter ficado uma confusão total”, brincou.
 
Esse trabalho com entonações vocais se deve ao fato de que Sam é britânica, mas está em uma missão disfarçada como americana. Ela deve se aproximar de uma poderosa família e, para isso, finge ser uma yankee tentando reconstruir sua vida na Grã-Bretanha.
 
A primeira temporada de Hunted tem oito episódios. Com é praxe no mercado, a continuidade da série depende de seu sucesso junto ao público.
 
Veja o trailer de Hunted:
 
 
 
 
Recomendamos para você