Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Filmes e séries 17.08.2009 17.08.2009

“”Corumbiara”” é o grande vencedor em Gramado

O filme dirigido por Vincent Carelli, resultado de um trabalho de mais de 20 anos, que expõe as dificuldades, os absurdos e impunidades que acontecem no Brasil, foi o vencedor do Kikito de Ouro de melhor filme, no Festival de Gramado. Confira o trailer e uma entrevista com o diretor neste post.


Na época, o cineasta conseguiu registrar com sua câmera vestígios das tribos atacadas, que jamais haviam tido contato com o homem branco, mas o caso não chegou à Justiça. A imagem abaixo, flagra o encontro com o último índio de outra tribo da mesma região onde Carelli realizava o documentário. Ele se recusou a fazer contato e vive até hoje isolado.

Confira a lista com todos os vencedores.

Longa Metragem Brasileiro

Melhor Filme: Corumbiara, de Vincent Carelli  
Melhor Diretor: Vincent Carelli  (Corumbiara) e Paulo Nascimento (Em teu nome)  
Melhor Ator: Leonardo Machado (Em teu nome)  
Melhor Atriz: Vivianne Pasmanter (Quase Um Tango…)  
Melhor Roteiro: Sérgio Silva (Quase Um Tango…
Melhor Fotografia: Katia Coelho (Corpos celestes)  
Prêmio Especial do Júri: Em teu nome, de Paulo Nascimento  
Melhor Diretor de Arte: Fabio Delduque, por A canção de Baal  
Melhor Trilha Musical: Andre Trento e Renato Muller, por Em teu nome  
Prêmio da Crítica: A canção de Baal, de Helena Ignez  
Melhor Filme do Júri Popular: Corumbiara, de Vincent Carelli 
Melhor Filme do Júri de Estudantes de Cinema: Corumbiara, de Vincent Carelli  
Melhor Montagem: Mari Corrêa, por Corumbiara 
Longa Metragem Estrangeiro 

Melhor Filme: La teta asustada, de Claudia Llosa  
Melhor Diretor: Claudia Llosa, por La teta asustada
Melhor Ator: Horacio Camandule, por Gigante, e Matías Maldonado, por Nochebuena  
Melhor Atriz: Magaly Solier, de La teta asustada 
Melhor Roteiro: Adrián Biniez, por Gigante  
Melhor Fotografia: Guillermo Nieto, por Lluvia
Prêmio Especial do Júri: La próxima estación, de Fernando E. Solanas  
Prêmio da Crítica: Gigante, de Adrian Biniez  
Melhor Filme do Júri Popular: Lluvia, de Paula Hernández  
Melhor Filme do Júri de Estudantes de Cinema: La teta asustada, de Claudia Llosa 
Curta Metragem 

Melhor Filme: Teresa, de Paula Szutan e Renata Terra  
Melhor Diretor: Paula Szutan e Renata Terra, por Teresa  
Melhor Ator: Miguel Ramos, por Teresa
Melhor Atriz: Juliana Carneiro da Cunha, por O teu sorriso
Melhor Roteiro: Davi Pires e Diego Müller, por Teresa  
Melhor Fotografia: Andre Luiz de Luiz, por Ernesto no País do Futebol  
Prêmio Especial do Júri: Olhos de ressaca, de Petra Costa  
Melhor Diretor de Arte: Diogo Viegas, por Josué e o pé de macaxeira  
Melhor Trilha Musical: Leonardo Mendes, por Josué e o pé de macaxeira  
Melhor Montagem: Gustavo Ribeiro, por Teresa
Prêmio da Crítica: O teu sorriso, de Pedro Freire  
Melhor Filme do Júri Popular: Josué e o pé de macaxeira, de Diogo Viegas  
Melhor Filme do Júri de Estudantes de Cinema: Olhos de ressaca, de Petra Costa

Recomendamos para você