Saraiva Conteúdo por Saraiva Conteúdo Filmes e séries 12.02.2010 12.02.2010

Concorrente a dois Oscar, “”A fita branca”” já está cartaz

Vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes no ano passado, e do Globo de Ouro de melhor filme estrangeiro, “A fita branca” concorre nessa mesma categoria a uma estatueta do Oscar no próximo dia 7 de março (e também ao prêmio de melhor fotografia). É muito provável que ganhe.

Dirigido por Michael Haneke, de “A professora de Piano” e “Caché”, que havia rendido a ele em 2005 a Palma de Ouro de melhor direção, o longa tenta investigar, na ficção, as sementes do nazismo. A história se passa num vilarejo no norte da Alemanha, pouco antes do início da Primeira Guerra Mundial,  quando estranhos acidentes começam a acontecer. E as crianças do lugar – que vivem sob forte e constante repressão – parecem estar no centro de tudo.

O filme é uma espécie de estudo das raízes sociológicas do Holocausto. E trata de um dos temas mais caros a Haneke, a culpa. Imperdível, o longa já está em cartaz no Brasil desde sexta-feira, com distribuição pela Imovision.

Recomendamos para você